As datas comemorativas são motivos de gastos extras e o Dia das Mães, comemorado no próximo dia 13 de Maio, não fica de fora e é uma despesa que deve ser analisada. Separamos algumas dicas para que sua mamãe não fique sem presente e você ainda saia no lucro.

dia das maes

Antes de qualquer coisa, defina um orçamento. Faça uma lista dos possíveis presentes e facilite o planejamento do orçamento. Defina um valor específico e escolha presentes a partir desta quantia, para que não gaste além do que pode e deve. Organize-se para não pesar muito no orçamento familiar, principalmente com a escolha de presentes como aparelhos eletrodomésticos ou até móveis.

Não deixe as compras para última hora! Ou seja, não adianta fazer compras na noite de sábado ou no próprio domingo, dia das mães. Você vai acabar gastando mais do que deve devido à pressa. Nos últimos momentos, as lojas se aproveitam do “desespero” dos consumidores e aumentam os valores dos produtos. Você vai acabar gastando muito em um produto que valeria muito menos.

Faça pesquisas! Não compre porque achou determinado produto bonito ou agradável. Pense que o mesmo deve agradar a mamãe, mas não deve pesar no orçamento (aquele que já comentamos lá em cima). Procure pesquisar preços e formas de pagamento. Para quem ainda não sabe, a Internet é uma ótima ferramenta para fazer pesquisa de preços. Se for algum site de loja física, dirija-se até o espaço físico e tente fazer uma negociação.

Se for comprar pela internet, opte pelas lojas que ofereçam frete grátis. Aí entra a questão da pesquisa de preços. Algumas lojas têm um preço mais em conta, mas o frete é muito mais caro, não compensando a compra.
Saiba aproveitar promoções, oferta e liquidações!

Entenda que promoção é o anúncio de um produto. A oferta é quando a loja diminui o preço de um determinado produto para que as vendas aumentem. E por último, liquidação é uma queima de estoque. Mas para aproveitar essas “penchichas”, é preciso daquela programação que já comentamos anteriormente.

Fonte: Febracis

Bookmark and Share

1)     Sem ideia do que dar de presente? Que tal colocar um pouco de você numa caixa, no estilo “faça você mesmo”? 

- um toque só seu: compre uma blusa ou calça básica e transforme-a. Use toda a sua criatividade e um pouco de tinta, lantejoulas, linhas coloridas, entre outros itens, dando um toque especial.

- muitos mimos: cestas personalizadas, além de deliciosas, são sempre bem-vindas! Recheie a cesta com um lindo cartão, chocolates, flores, lanches gostosos e tudo mais que sua mãe adore. Você não vai gastar muito e ela vai amar.

- carinho por escrito: reviva os tempos da escola e faça um cartão para sua mãe: corte papel-cartão (no formato que você preferir), enfeite com canetas coloridas e/ou purpurina e escreva uma mensagem bem bonita; vale até copiar um poema!

- almoço de presente: quem tiver dotes culinários também pode preparar um belo almoço na data e economizar bastante, além de deixar a mãe toda orgulhosa.

- programa cultural: que tal você proporcionar à sua mãe uma noite inesquecível e bem agradável, com direito a ida ao cinema, ao teatro ou a um show? Você compra os ingressos antes e cuida de toda a logística, assim evita filas e ela se sente uma verdadeira rainha.

- descanso merecido: para quem curte viajar, vale a dica: organize uma viagem no fim de semana para a sua mãe. Reserve a pousada, pense em toda a infraestrutura e deixe para ela apenas a “missão” de aproveitar cada segundo desse passeio.

2)     Muitas mães preferem, mais do que presentes, estar ao lados dos filhos no Dia das Mães. Que tal dedicar algumas horas para ajudá-la a planejar melhor suas contas e até montar uma estratégia de investimento?

– Comece ajudando sua mãe a elaborar um orçamento; afinal, você certamente está mais familiarizado com planilhas do que ela.

– Tente montar uma planilha personalizada para sua mãe, incluindo seus principais gastos e algumas estimativas que ajudam a orientá-la sobre quanto tem condição de guardar, todos os meses, para investir.

– Feito isso, procure entender quais objetivos ela possui em termos de investimentos. Dividida entre várias tarefas, como trabalho, gestão da casa, cuidados com os filhos e o marido, a maioria das mulheres não tem tempo para organizar suas contas ou investimentos.

– Procure conhecer o perfil de investimento da sua mãe e mostre-lhe algumas opções nesse sentido.

– Aproveite para compreender melhor que tipo de providências sua mãe está adotando para garantir uma renda adequada ao se aposentar.

– Você pode investir uma pequena quantia em nome dela, como forma de incentivá-la a atingir seus objetivos. O importante aqui não é tanto a quantia, mas o entendimento de que se trata de um presente que durará a vida toda e que, se bem administrado, pode realizar muitos sonhos no futuro.

Fonte: Finanças Práticas

Bookmark and Share

Bookmark and Share

Bookmark and Share

O que é ser mãe?

Qualquer mulher que gera o filho
Guarda no ventre com amor
Faz nascer com sua dor
Alimenta no seu seio
Acaricia mesmo sem forças
Cuida com paciência
Acompanha os passos da infância
Também na adolescência

Educa a seu modo
Ensina o caminho da verdade
Nunca quer ver sofrer
Nem indica o caminho errado

Reza pedindo proteção
Não quer ver seu filho no chão
Sempre procura um álibi
Pode ser sua advogada

Derrama suas lágrimas
Dá sua própria vida
Bate palmas com o sucesso
Chora também de alegria

Sua missão nunca está cumprida
Depois faz o casamento
Aguenta genros e noras
Netos que vêm pela frente
Transformando-a em avó

O papel de mãe é incansável
Está sempre a acompanhar
Os filhos que deus lhes deu
Parabéns a todas as mães!
Todos os dias são seus, incluindo “eu”.

Por Maria de Fátima Lúcia Santana

Bookmark and Share

Eternamente Mãe
Autor desconhecido

MÃE…
que na presença constante me ensinou
na pureza do seu coração a vislumbrar
caminhos…

MÃE…
dos primeiros passos, das primeiras
palavras…

MÃE…
do amor sem dimensão, de cada momento,
dos atos de cada capítulo de minha vida
não ensaiados, mas vividos em cada
emoção…

MÃE…
da conversa no quintal, do acalanto do
meu sono aquecido de amor, aninhada
em seu coração…

MÃE …
do abraço, do beijo que levo na
lembrança…

MÃE…
é você que me inspira a caminhar…

MÃE…
a presença de cada passo que o
tempo não apaga: por mais longo
e escuro que seja o caminho, haverá
sempre um horizonte…

MÃE…
Mulher a quem devemos a vida,
que merece o nosso respeito,
nossa gratidão e nosso afeto.

Bookmark and Share